terça-feira, 10 de junho de 2014

Sexta lei espiritual do sucesso: Lei do Distanciamento




=> O que é?

- O modo de adquirir alguma coisa no universo é abdicar do nosso apego.
- Não abrimos mão do desejo, apenas abrimos mão do apego ao resultado.
- O distanciamento fundamenta-se na confiança inquestionável do poder do Eu (o campo de potencialidade pura)

=> Importante saber:

- O apego implica dúvida e desconfiança na inteligência da natureza e seu infinito poder de organização.
- A libertação do nosso passado está na sabedoria da incerteza.
- O desconhecido é o campo de todas as possibilidades, sempre inédito, novo e aberto à criação de novas manifestações. Esse campo poder orquestrar uma infinidade de eventos espaço-tempo para efetuar o resultado visado. Mas quando a nossa intenção fica presa a uma mentalidade rígida, perdemos a fluidez, a flexibilidade e a criatividade inerentes ao campo.

=> Exemplificando:

Distanciamento é sinônimo de consciência de riqueza, porque junto a ele existe a liberdade de criar. Como poderemos criar se estivermos agarrados, ávidos e ansiosos? Não precisamos ter uma idéia completa e rígida do que faremos na semana que vem ou no ano seguinte, porque, se ficarmos rigidamente agarrados àquela idéia, nos fecharemos para uma série completa de possibilidades.

=> Como aplicar a Lei do Distanciamento?

1) Pratique o envolvimento sem apego. Fique alerta à oportunidade no interior de cada problema, distanciando sua idéia de como as coisas deveriam ser;

2) Aceite a incerteza como parte essencial da sua experiência. Em sua disposição de aceitar a incerteza surgirão espontaneamente soluções;

3) Conserve-se aberto a todas as possibilidades e desfrute cada momento da sua jornada de vida - toda a alegria, mistério e magia no campo da potencialidade pura.

Para escutar a Lei do Distanciamento no YouTube, clique aqui !




Fonte: As Sete Leis Espirituais do Sucesso

Nenhum comentário:

Postar um comentário